Casa da Martha #2: The Handmaid’s Tale e a crise de refugiados

No segundo episódio do Casa da Martha, conversamos sobre a crise dos nossos tempos, que foi tema discutido em The Handmaid’s Tale. Em 2015, a Anistia Internacional advertiu em relatório que a situação global de refugiados não era tão crítica desde o fim da Segunda Guerra Mundial, mais de 70 anos atrás.

Ouça o Casa da Martha no Spotify | iTunes | Deezer

Gostou da conversa? Compartilhe e nos ajude a chegar a mais pessoas!

Segundo a Agência da ONU para Refugiados (ACNUR), nas últimas décadas, os deslocamentos forçados atingiram níveis sem precedência. Estatísticas recentes revelam que mais de 67 milhões de pessoas no mundo deixaram seus locais de origem por causa de conflitos, perseguições e graves violações de direitos humanos. Entre elas, aproximadamente 22 milhões cruzaram uma fronteira internacional em busca de proteção e foram reconhecidas como refugiadas. A população de apátridas (pessoas sem vínculo formal com qualquer país) é estimada em 10 milhões de pessoas.

Todo ano, centenas de pessoas morrem na tentativa de buscar asilo. Elas morrem de inanição, abusos, afogamentos, desidratação e doenças. Os países desenvolvidos estão fechando a porta na cara da maior crise de refugiados há décadas, inclusive empurrando-os para os braços de grupos criminosos que lucram com o seu desespero.The Handmaid’s Tale representa o desespero para escapar da perseguição e alcançar a segurança desde os primeiros episódios série, quando June tenta escapar de Gilead para o Canadá com a família, ou quando Moira consegue fugir da boate Jezebel’s até chegar ao Canadá e agora na fuga de Emily com a bebê Nichole, sendo recebida pelas autoridades do país vizinho.

Conversamos com Gisele Siqueira, professora de história formada pela Universidade Federal de Alagoas, sobre o cenário atual de crises migratórias relacionando, principalmente, com o primeiro episódio da 3ª temporada. Gisele trouxe informações sobre a relação do Canadá com a migração na vida real, qual o papel dos governos nesses conflitos e a relação de gênero impossível de ignorar.

APROVEITE O MIXIDO

Inscreva-se no canal e acompanhe também nossos vídeos no YouTube sobre The Handmaid’s Tale

Recap e análise da série The Handmaid’s Tale

Quer conversar ainda mais? Participe do grupo de discussão no Facebook sobre The Handmaid’s Tale

LEITURA COMPLEMENTAR

Dados sobre refúgio

Olhares Podcast #11: mulheres refugiadas, quem são elas?

Crise de refugiados: o problema são os governos e não os contrabandistas

O abandono dos refugiados pelas lideranças mundiais condena milhões de pessoas

Número de refugiados e migrantes da Venezuela ultrapassa 4 milhões, segundo o ACNUR e a OIM

Foto chocante de menino morto revela crueldade da crise migratória

Gostou? Compartilhe!

One thought on “Casa da Martha #2: The Handmaid’s Tale e a crise de refugiados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *